Gastronomia

Marmitas fitness: renda garantida

  • EditorChefe
  • data
  • 0
  • 0

Não é de hoje que o mercado de comida fitness vem ganhando espaço no país. Você tem notado isso no aumento destinado a esse tipo de alimento nas prateleiras dos supermercados, por exemplo, e nas lojinhas especializadas em grãos e outros tipos de suplementos naturais. A ascensão do saudável se reflete também no mercado de marmitas, cada vez mais adaptado para oferecer marmitas fitness aos clientes.

O mercado das marmitas fitness está, como já vimos, em grande ascensão, pois a cada dia mais e mais pessoas sentem a necessidade de começar uma alimentação saudável, ou menos calórica, e alcançar um estilo de vida mais próximo do ideal. Dessa forma, o mercado de vendas de marmitas fitness tem ganhado espaço considerável em meio aos empreendedores do segmento gastronômico. E muita gente já está obtendo uma boa renda extra com esse tipo de negócio, para não dizer muito, muito dinheiro!

Começando um negócio de marmitas fitness


O investimento inicial para esse empreendimento costuma ser baixo e por isso está atraindo muitos jovens, e até mesmo veteranos no segmento, para esse nicho. É comum pensar em negócios que envolvam comida, mas muita vezes as pessoas esquecem que as comidas fitness estão ocupando a cada dia mais e mais o lugar das refeições não saudáveis.

O que mais existe atualmente são restaurantes que oferecem todo tipo de hambúrgueres, por exemplos, regados com muitos molhos, queijos e bacon. E muitos empreendedores focam apenas no que já existe, tentando ser um diferencial em meio a tantas opções semelhantes, quando um nicho pouco explorado e muito rentável está bem diante dos olhos deles: a comida fitness.

O “cintura” do brasileiro nunca esteve tão grande e aumenta mais a cada ano com a má alimentação e consumo de alimentos processados, industrializados. Ao mesmo tempo as nutricionistas correm para regrar um novo estilo de vida para milhões de brasileiros que anseiam, mais do que nunca, por opções saudáveis e saborosas para escolher.

Então, você que tem receio de começar um negócio de marmitas fitness, tenha em mente que haverá mercado, seja onde você estiver, haverá saída (vendas) para suas marmitas fitness.

Pensando no negócio


Quem costuma pedir marmitas sabe que o prato vem montado, com uma quantidade padrão de comida. Isso faz com que o custo da refeição seja menor, reduzindo o preço final do produto. Apesar do baixo preço, os clientes exigem boa qualidade nos ingredientes e um eficiente serviço de entrega.

A atividade exige do empreendedor um bom conhecimento do ramo e disposição para pesquisar novas receitas, lembre-se que muitas vezes são pessoas acostumadas a comer muito sódio (sal), açúcares e embutidos, logo o paladar delas não estará muito acostumado à comida fitness. Então uma comida criativa, saborosa e visualmente bonita (lembre-se que o cliente “come com os olhos”) fará toda a diferença.

Outro ponto vital para seu negócio é a capacidade de atendimento aos clientes (saiba como aderir à tele-entrega nesse artigo), negociação com fornecedores e gerenciamento de equipe, para um bom desenvolvimento do negócio com as marmitas fitness.

Tipos de marmitas fitness


As marmitas fitness podem variar de acordo com a necessidade de cada cliente. Existe a marmita para quem está de dieta, para quem está querendo ganhar massa muscular ou até mesmo para quem quer melhorar a resistência e o condicionamento físico. Logo, cada marmita tem que ser preparada com os nutriente específico para esse objetivo.

Sendo assim, é necessário pensar em qual tipo de marmita você vai vender e, antes de tudo, definir qual será o público-alvo do seu produto e, a partir disso, determinar como será a melhor forma de vendê-la.

Preparando as marmitas fitness


Primeiramente, deve-se escolher o recipiente no qual a marmita será preparada. É bem provável que você escolherá congelar a marmita para venda, dessa forma ela se mantém fresca e o cliente só precisa aquecer. Neste caso, as embalagens de alumínio descartáveis são as mais recomendado para que a marmita fitness seja preparada. A receita fica pronta para ser congelada e depois ir direto ao forno ou microondas

É possível usar a criatividade, e o conhecimento adquirido, para produzir marmitas super saudáveis, mas também muito saborosas. Estude bastante o mercado e entenda quais os alimentos mais adequados para cada tipo de marmita que for fazer e use a criatividade para misturar alimentos e criar sabores incríveis.

O mercado não para de crescer e se você está a procura de negócios inovadores, não deixe a oportunidade escapar, o seu diferencial será o sabor, comida fitness costuma ser vista como “sem graça”, então surpreenda seu clientes com sabores.

Mercado favorável às marmitas 


O ano de 2020 foi atípico, mas reforçou uma tendência que já era nítida. O aumento do mercado de marmitas. Em 2019, segundo dados do setor, houve um salto na produção em torno de 180% e em 2020 o aumento foi ainda mais significativo, girou em torno de 200% em comparação com o ano anterior. E alguns “legados” de 2020 devem ficar, o mercado de marmitas é um deles.

O aumento de restaurantes “fantasmas” teve um salto extraordinário, são aqueles estabelecimentos que não possuem espaço físico para atender os clientes, existem apenas para realizar entregas via aplicativos de alimentos.

Essa pode ser uma boa alternativa para você que gosta de gastronomia, quer ganhar dinheiro e contribuir com uma alimentação mais saudável para a população. Caso você queira aprender mais sobre esse nicho gastronômico, separamos esse curso profissionalizante para você, para aprimorar tanto as receitas fitness como receitas normais e sofisticadas.